Peticione e acompanhe processos: Peticionamento Eletrônico

Presidente do STF se reúne com magistrados das áreas trabalhista e federal de Recife (PE)

No segundo dia de agenda no estado de Pernambuco, Toffoli reforça a importância de se ampliar a cooperação e a integração entre os órgãos do Judiciário

09/01/2020 13h53 - Atualizado há

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, esteve, nesta quinta-feira (9), no Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT) e no Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) para o segundo dia de encontro com magistrados de Pernambuco.

A agenda institucional faz parte de um cronograma de visitas aos tribunais estaduais com o propósito de ampliar a cooperação e a integração entre os órgãos do Poder Judiciário. Nesses encontros, Toffoli tem reforçado que o trabalho desenvolvido junto aos tribunais contribui para que a prestação jurisdicional seja realizada com eficiência em benefício da sociedade.

Segundo o presidente do TRT, desembargador Valdir Carvalho, é a primeira vez que um presidente da Suprema Corte e do CNJ faz uma visita institucional ao órgão. “Isso demonstra o tratamento igualitário que é concedido pelo ministro a todos os ramos do Poder Judiciário brasileiro”, afirmou. Para o desembargador, este também é um momento importante para apresentar a atual situação da Justiça do Trabalho local do ponto de vista orçamentário e de prestação jurisdicional.

O desembargador Paulo Roberto de Oliveira Lima, presidente em exercício do TRF5, disse que a visita do ministro Dias Toffoli é fato que deve ser comemorado. “Em 17 anos no Tribunal, não me lembro de ter ocorrido nada semelhante. A presença do presidente do STF só ratifica o acesso mais direto, mais franco e harmônico com a maior Corte de Justiça do país”, destacou. O grande propósito desse encontro, completou, é a discussão de análise dos problemas comuns.

O presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Pernambuco (Amepe), juiz Emanuel Bonfim, corroborou a importância da visita institucional. “O ministro vem interagir e ouvir a base da magistratura. Para nós, é uma honra recebê-lo nesse momento em que precisamos, cada vez mais, estar unidos em torno das prerrogativas da magistratura brasileira que, em última análise, é quem garante o exercício da cidadania.”

Para o juiz Igor da Silva Rego, que será empossado em fevereiro deste ano como presidente da Amepe, a presença do presidente do Supremo ao Estado representa um passo decisivo para o Poder Judiciário. “Especialmente, porque propicia a ele conhecer a realidade local de maneira a viabilizar – não só aqui, mas em outros estados –, um novo procedimento a ser implantado em todo o Brasil.”

Assessoria de Comunicação da Presidência