Peticione e acompanhe processos: Peticionamento Eletrônico

O que você procura?

É falsa declaração atribuída ao ministro Barroso sobre reeleição do presidente Bolsonaro

STF alerta para a importância de conferir informações em sites confiáveis e veículos oficiais antes de repassar.

05/04/2022 16h10 - Atualizado há

28902 pessoas já viram isso

Circula pelas redes sociais uma declaração falsamente atribuída ao ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, a respeito do presidente Jair Bolsonaro. Conforme a publicação, Barroso teria dito em uma live, a juízes franceses: "Bolsonaro será reeleito se passarem por cima do meu cadáver".

O gabinete do ministro informou que tal encontro virtual nunca ocorreu e que o ministro jamais deu as declarações. "O Brasil vive a naturalização da mentira. Há uma nova atividade no país: a de traficante de notícias falsas. Vivemos uma decadência ética profunda", afirmou o ministro Barroso.

#VerdadesdoSTF

O texto foi publicado em um blog desconhecido e reproduzido via Whatsapp e em diversas postagens no Twitter. O STF alerta para a importância de não repassar informações publicadas em sites não confiáveis e com informações alarmistas.

Para conscientizar a sociedade sobre a importância da checagem, a fim de evitar a propagação de notícias falsas sobre o STF e seus ministros, o Supremo Tribunal Federal lançou a série #VerdadesdoSTF, na qual informações falsas ou deturpadas atribuídas à Corte e aos seus ministros são objeto de correção. Clique aqui para ver a série.